Morre espanhol que tentou salvar mulher de ataque em Londres

Segundo os relatos de sua família, Ignacio se lançou contra um dos três terroristas, que tinha avançado contra uma mulher, para tentar ajudá-la

Europe
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

O espanhol Ignacio Echeverría é uma das vítimas dos atentados ocorridos em Londres no último sábado, confirmou nesta quarta-feira sua irmã Isabel.


“O meu irmão Ignacio tentou parar os terroristas, e perdeu sua vida tentando salvar outros”, publicou hoje sua irmã no Facebook.
A polícia britânica ainda não identificou de maneira formal as oito vítimas mortais dos ataques terroristas de sábado na área da Ponte de Londres (London Bridge) e no mercado de Borough, no qual outras 48 pessoas ficaram feridas.
O espanhol estava desaparecido desde que três terroristas atropelaram os pedestres na Ponte de Londres com um veículo alugado e depois esfaquearam várias pessoas em uma zona de bares e restaurantes na margem sul do rio Tâmisa.
Segundo os relatos de sua família, Ignacio se lançou contra um dos três terroristas, que tinha avançado contra uma mulher, para tentar ajudá-la.
No total, 29 pessoas permanecem hospitalizadas por causa do ataque, dez delas em estado crítico.

 

 

 

 

 

 


Fonte:da Redação e Por EFE
Reditado para:Noticias do Stop 2017
Fotografias:Getty Images/Reuters/EFE/AFP