04
Sáb., Fev.
0 New Articles

Empresário raptado encontrado morto

Maputo
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times
AplicLoja Windows 11 Pro

Um empresário raptado, há mais de uma semana, na Matola, na província de Maputo, em Moçambique, foi encontrado morto na madrugada desta terça-feira.

Os sequestradores teriam ligado à família e dito que o empresário se encontrava mal de saúde e que o deveriam ir buscar num determinado lugar. Os familiares encontraram o empresário moçambicano de origem asiática inanimado e levaram-no

para um hospital, onde foi imediatamente declarado morto.

De acordo com a polícia, o empresário foi abandonado na zona de Txumene, nos arredores de Maputo, e tinha ferimentos e sinais de agressão. Ele tinha sido raptado, por um grupo armado, no dia 14 de Dezembro, em frente a um dos seus estabelecimentos comerciais na Matola. Imagens de videovigilância no local mostram o momento em que o grupo de quatro homens arrastou o empresário para uma viatura à luz do dia.

Confrontada com esta notícia, a ministra do interior, Arsénia Massingue, garantiu que o Serviço Nacional de Investigação Criminal está a trabalhar para esclarecer o caso: "Nós queremos, primeiro como Ministério do Interior, lamentar esta perda, é uma vida que se perdeu, e referir que em relação ao trabalho que está em curso e que visa o esclarecimento deste e de outros casos, o SERNIC irá pronunciar-se nos próximos dias sobre o que é que está a ser feito no concreto."

Eeste ano, as autoridades moçambicanas registaram 11 raptos e efectuaram 27 detenções ligadas a estes crimes que teriam movimentado 33 milhões de euros de Janeiro e Novembro.

Numa avaliação sobre a criminalidade, apresentada em Junho, a procuradora-geral da República de Moçambique, Beatriz Buchili, disse os raptos têm vindo a aumentar e que os grupos criminosos têm ramificações transfronteiriças. Maputo e outras cidades moçambicanas, principalmente as capitais provinciais, voltaram a ser palco de uma onda de raptos desde 2020, visando principalmente empresários ou seus familiares.

 

 

 

 

 

 


Fonte:da Redação e da rfi
Reeditado para:Noticias do Stop 2022
Outras fontes • AFP, AP, TASS, EBS
Material Informático - www.aplicloja.com
Receba diariamente no Grupo STOPMZNWS poderá ler QRCOD
Link do Grupo WhatsApp - https://chat.whatsapp.com/JUiYE4NxtOz6QUmPDBcBCF
Qual Duvida pode enviar +258 827606348 ou E-mail:Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Em criação o Aplicativo o APP que ira ver notícias diariamente em seu celular Fotografias:Getty Images/Reuters/EFE/AFP

AplicLoja Microsoft Office 2022 Pro Plus
Stopmznews