PASSAM HOJE 3 ANOS DE GOVERNAÇÃO DO PRESIDENTE DA REPÚBLICA, FILIPE NYUSI

Nacional
Typography

Passam, hoje, três anos de governação do Presidente da República, Filipe Nyusi.Em Inhambane, cidadãos ouvidos pela Rádio Moçambique, consideram que a escolha de Filipe Nyusi para Presidente da República, foi acertada.


“Os moçambicanos acertaram na escolha de um líder comprometido com a causa da nação, um líder que quer ver o seu povo a viver bem” são palavras de Luís Augusto, cidadão entrevistado pela Rádio Moçambique, em Inhambane, por ocasião dos 3 anos de governação do Presidente da República, Filipe Nyusi.
“As deslocações feitas pelo Chefe do Estado às matas de Gorongosa, à busca da paz, demonstram o seu cometimento para com o bem –estar dos moçambicanos”, indicou o entrevistado. “Eu acho que é um líder, tem boas ideias, e é capaz de levar Moçambique a bom porto. Quanto às acções de combate à pobreza, o país está num bom caminho, mas o percurso ainda é longo”, acrescentou.
O comerciante Mohamed de Melo, diz que apesar de ter herdado um país com graves problemas, o Presidente Filipe Nyusi, está mostrar pujança na sua actuação.
“O país não está bem, do ponto de vista financeiro, do ponto de vista da paz. Então, penso eu que nestes 3 anos, os esforços do Presidente da República foram mais para olhar para este aspecto financeiro, da guerra que estava a assolar o nosso país”, opinião de Mohamed de Melo, cidadão entrevistado em Inhambane,
Em Tete, cidadãos ouvidos, a propósito, consideram que durante estes três anos, o Chefe do Estado moçambicano deu exemplo de tolerância e diálogo.
Os entrevistados disseram ainda, que além da sua generosidade de saber ouvir, Filipe Nyusi soube dar a volta às dificuldades financeiras que o país está a travessar, assegurando o funcionamento pleno do país e a materialização do Plano Económico Social, de cada ano.
“Olha, a guerra parou há mais de um ano, foi por causa dele. Ele está a trabalhar muito para o povo moçambicano, ele podia continuar mais a negociar com o líder da Renamo que haverá mais paz, paz fixa, não haver mais guerra “ . Desafios, aquilo que estamos passar hoje, a live circulação de pessoas e bens a nível nacional e aquilo que ontem não se esperava que o líder da Renamo fosse a corresponder, qualquer um admira-se: Dhlakama de ontem, não é esse de hoje”, disseram Timóteo Muchia, Filipe Passarinho e Delfim de Sousa , nossos entrevistados a propósito dos 3 anos da governação do Presidente da República Filipe Nyusi, que hoje se assinalam.


Fonte:da Redação e Por RM
Reditado para:Noticias do Stop 2018

BLOG COMMENTS POWERED BY DISQUS