04
Sáb., Dez.
24 New Articles

PR anuncia construção de hospitais gerais em quatro províncias

PR anuncia construção de hospitais gerais em quatro províncias

Angola
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

O Presidente da República, João Lourenço, anunciou, esta sexta-feira, o início, em 2022, da construção dos hospitais gerais de Caxito (Bengo), Ndalatando (Cuanza Norte), do Sumbe (Cuanza Sul) e de Cacuaco (Luanda).
João Lourenço, que proferia o discurso sobre o Estado da Nação, no Parlamento, disse tratar-se de acções que visam aumentar a oferta de camas para dar resposta à procura pelos serviços de saúde das populações.



Cada uma destas unidades sanitárias, de acordo com o Chefe de Estado, contará com, pelo menos, 200 camas.

Revelou também que estão a ser mobilizados recursos financeiros de linhas de crédito para a construção dos hospitais gerais da Catumbela (Benguela), do Bailundo (Huambo), Dundo (Lunda Norte), Uíge e de Malanje.

O programa, adiantou, inclui ainda a reabilitação e ampliação do Hospital Américo Boavida, em Luanda, e a conclusão do Hospital Geral de Mbanza Kongo (Zaire).

Após a conclusão das obras, que poderá ocorrer entre 2023 e 2024, a perspectiva é erguer unidades menores, de proximidade, na rede de cuidados primários de saúde nos municípios e bairros, para dar resposta a demanda populacional, segundo o Presidente.


Fonte:da Redação e da angonoticias
Reeditado para:Noticias do Stop 2021
Receba diariamente o STOP em seu WhatsApp
Envie um WhatsApp para +258 827606348 para receber notícias diariamente em seu celular
Fotografias:Getty Images/Reuters/EFE/AFP/Estadão

Stopmznews