10
Qua., Ago.
0 New Articles

file Anjos II (Anjos Caídos)

5 anos 4 meses atrás #299 por Malaquias da Silva
COM_KUNENA_MESSAGE_CREATED_NEW
Texto-base: Ef 6.10-18

A única fonte segura sobre este assunto é a Palavra de Deus, não a experiência ou os ex-seguidores do inimigo, pois o inimigo é mentiroso (Jo 8.44).
A palavra de Deus liberta (Jo 8.32) e esclarece (Sl 119.130). Não devemos ir além da Bíblia (1 Co 4.6; 1 Tm 1.4; 2 Tm 2.23).

Os anjos foram criados em estado de perfeição. Em Gn 1, lemos 7 vezes que o que Deus fizera era bom e muito bom. Isso certamente inclui a perfeição dos anjos em santidade, até esse momento (Ez 28.15) e parte destes deixaram seu próprio principado e habitação original perfeita (Judas 6, 2 Pd 2.4), para criar raízes do mal (Sl 78.49; Mt 25.41; ). Não podemos Ter dúvidas que Satanás foi o "chefe" desta rebelião (Is 14.12; Ez 28.15-17,Ef 2.2; Ap 9.11; 12.1-5,9).

ANJOS CAÍDOS E DEMÔNIOS SÃO A MESMA COISA (Ap 18.2; Mc 4.4, 15)
Demônio = Ave Impura = Espírito Imundo = Anjo Caído

Demônios - Aparece três vezes no AT (Dt 32.17; Sl 106.37 e Lv 17.7).
Não são espíritos dos homens maus (Hb 9.27; Ec 12.7).
Não são os espíritos desincorporados de uma raça pré-Adâmica (Sl 9.17; Lc 16.26-31; Ap 1.18; 12.7-9)

Satanás era originalmente um dos poderosos príncipes do mundo angélico, Lúcifer ("o que leva a luz"), o mais glorioso dos anjos. Mas ele orgulhosamente aspirou a ser "como o Altíssimo" e caiu na condenação (Ez 28.12,19; Is 14.12-15; 1 Tm 3.6). O nome "Satanás" revela-o como "o adversário", não do homem em primeiro lugar, mas de Deus.

Nomes principais:
Satanás - adversário (2Co 11.14, Zc 3.1; 1 Ts 2.18), Diabo - caluniador (Mt 4.1), Serpente - enganador (Ap 12.9), Lúcifer - portador de luz (Is 14.12), Maligno (1 Jo 5.19), Dragão (Ap 12.17), Príncipe deste mundo (Jo 12.31), O deus deste século (2 Co 4.4), Acusador (Ap 12.10; Zc 3.1), Belzebu - príncipe dos demônios (Mt 12.24), Belial (2 Co 6.15), Príncipe dos Poderes do Ar (Ef 2.2), Deus deste Mundo (2 Co 4.4), Príncipe deste Mundo (Jo 12.31; 14.30; 16.11), Homicida (Jo 8.44), Pai da Mentira (Jo 8.44), Belial (Jz 20.13; 1 Sm 10.27; 30.22; 1 Rs 21.13) - " maroto", Abadom e Apoliom (Ap 9.11) - "destruidor", Tentador (1Ts 3.5), Maligno (Mt 13.19), Espírito que atua nos filhos da desobediência (Ef 2.2), Anjo do Abismo (Ap 9.11).

Ao mesmo tempo que reconhecemos que Satanás é forte, devemos ter cuidado de não exagerar o seu poder. Para aqueles que crêem em Cristo, ele já é um inimigo derrotado (Jo 12.31), e é forte somente para aqueles que cedem à tentação.

ONDE HABITAM OS ANJOS CAÍDOS
Parte deles habitam no inferno (2 Pe 2.4; Jd 6).
A palavra INFERNO na Bíblia tem significados que variam de acordo com o texto em que é citada. Vamos analisar apenas quatro formas: SHEOL: O mundo dos mortos (Dt 32.22; Sl 9.17). HADES: É a forma grega para o hebraico SHEOL, e significa lugar das almas que partiram deste mundo ou lugar de tormento (Mt 11.23; Lc 10.15; Lc 16.23). GEHENNA: Termo usado para designar um lugar de suplício eterno (Mt 5.22; Mc 9.43). TARTAROO: O mais profundo do abismo e significa encarcerar no suplício eterno (2 Pe 2.4)
Os textos de Pedro e Judas não querem dizer que todos os anjos maus estejam presos no inferno, pois a Bíblia mostra no seu contexto geral que a maioria deles está solta (Ef 6.12). Em breve todos serão julgados e condenados para sempre (Mt 25.41; Ap 20.10-14; Rm 16.20).
Provavelmente a maioria habita nas regiões celestes: (Ef 2.2; 6.12, Lc 11.24-26).
A cidade de Pérgamo é chamada de "trono de satanás" (Ap 2.13)

A natureza dos demônios
1.São seres inteligentes (Mt 8.29,31; 1 Tm 4.1-3; 1 Jo 4.1 e Tg 2.19), possuem características de ações pessoais o que demonstra que possuem personalidade (Mc 1.24; Mc 5.6,7; Mc 8.16; Lc 8.18-31)
2.São seres espirituais (Lc 9.38,39,42; Hb 1.13,14; Hb 2.16; Mt 8.16; Lc 10.17,20)
3.São seres numerosos (Mc 5.9).
5.São seres vis e perversos - baixos em conduta (Lc 9.39; Mc 1.27; 1 Tm 4.1; Mt 4.3)
6.São servis e obsequiosos (Mt 12.24-27).

As atividades dos demônios
Afligir e tentar os santos de Deus (1 Ts 3.5).
Apossam-se dos corpos dos seres humanos e dos irracionais (Mc 5.8, 11-13); Afligem aos homens mental e fisicamente (Mt 12.22; Mc 5.4,5); Produzem impureza moral (Mc 5.2; Ef 2.2).
Tentam opor-se à obra de Deus (Ap 16.13-16 e Dn 10.11-14;Mt 13.19; 2 Co 4.4).
Estendem a autoridade de Satanás (Ef 6.11,12).
Oposição aos santos (Ef 6.12; 1 Ts 2.18), Indução ao desvio da fé (1 Tm 4.1), Encorajamento do formalismo e ascetismo como resultado de falsos ensinos (1 Tm 4.1-3), Apoio de toda idolatria (1 Co 10.19-21)
Causa de vários males físicos - mudez (Mt 9.32,33), cegueira (Mt 12.22), loucura (Lc 8.26-35), mania de suicídio (Mc 9.22), ferimentos pessoais (Mc 9.18) e vários defeitos e deformidades (Lc 13.11-17).
Execução de alguns dos propósitos divinos: castigo aos ímpios (SI 78.49). Acabe foi punido por um "espírito mentiroso" (1 Rs 22.23). No caso de Pedro, Satanás peneirou-o como trigo, completando a ação de Deus (Lc 22.31). Jó, através das provações foi levado a um ponto de crescimento e purificação espirituais (Jó 42.5,6). Demônios podem ser usados por Deus para levar a cabo Seus propósitos (2 Co 12.7; 1 Ti 1.20; 1 Co 5.5 e 1 Sa 16.14).


NÍVEIS DE AÇÃO DEMONÍACA

TENTAÇÃO (1Pe. 5:8), observa e ataca em algum ponto fraco. (Pode ocorrer com CRENTES E NÃO CRENTES).
SUJEIÇÃO - (Hb 2:14-15). Pecado cometido frequentemente. Não deve ocorrer com crentes (1 Jo. 3:6-10). OPRESSÃO - (At. 10:38) Tormento e sofrimento (físico e/ou psicológico) de uma pessoa, não causado por problemas médicos ou psicológicos, mas sim por um espírito maligno. O demônio age externamente, não possuindo sua mente. Por vezes a opressão pode ser tão forte, que até é confundida com uma Possessão demoníaca. (Pode ocorrer com CRENTES E NÃO CRENTES).
POSSESSÃO - o diabo toma posse da mente da pessoa. Quando a entidade satânica se manifesta, o indivíduo fica impedido de qualquer atitude, que não seja permitida pelo demônio (ou mais de um - Lc 8.2; Mc 5.9) que o está comandando. Veja algumas ocorrências comuns:
- As vítimas podem ser voluntárias ou não;
- Indício de outra personalidade;
- Indício de outra voz;
- Sinais de sabedoria e poderes ocultos;
- São impelidos a ter comportamento contrário ao normal;
- Sintomas e espasmos nervosos;
- Respiração profunda, fala rouca, com dificuldade e forçada;
- A pessoa fica agitada quando confrontada com a leitura da Bíblia, bem como quando são feitas orações.
A POSSESSÃO SOMENTE OCORRE COM QUEM NÃO ENTREGOU REALMENTE A SUA VIDA AO SENHORIO DE CRISTO (1 Jo 5.18; 1 Pe 2.9; 2 Co 6.14-16; 2 Ts 3.3). Somente casa "vazia" pode ser ocupada (Mt 12.43-45).
E Judas (Jo 6.70)? Todos estavam limpos, menos ele (Jo 13.10,11). Judas deu lugar ao diabo (Ef 4.27).

A Bíblia proibe envolvimento com práticas demoníacas (Lv 19.31; 20.6; Dt 18.10-12; Is 8.19).

O Senhor nos deu autoridade sobre eles (Lc 9.1; 10.19), para expulsá-los (Mc.16.17, Mt 10.8, At.16.18), resistí-los (Tg 4.7; 1 Pe 5.9; Ef 6.13). Devemos estar atentos (1 Pe. 5:8-9; 2 Co 2.11) e revestir-nos da armadura de Deus para vencê-los (Ef 6.13-20). Maior é o que está em nós (1 Jo 4.4).


Obras Consultadas:
DUFFIELD, Guy P.; CLEAVE, Nathaniel M Van. Fundamentos da Teologia Pentecostal. São Paulo: Quadrangular, 1991. Vol2

Por favor Autenticar para se juntar à conversa.

  • Malaquias da Silva
  • Avatar de Malaquias da Silva Autor do tópico
  • Desligado
  • O utilizador está bloqueado
  • O utilizador está bloqueado
Mais
  • Não permitido: para criar novo tópico.
  • Não permitido: para responder.
  • Não permitido: para editar a sua mensagem.
Tempo para criar a página: 0.697 segundos