24
Seg., Jan.
0 New Articles

Sociedade civil exige que a Vale resolva pendentes com comunidades

Sociedade civil da província moçambicana do Tete exige que a multinacional Vale pague indemnizações a comunidades. A empresa vendeu a mina de carvão de Moatize à Vulcan em dezembro, após vinte anos de atividade.
A empresa mineira Vale está em Moçambique há quase vinte anos. E nos últimos dez explorou ativamente aquela uma das melhores minas a céu aberto no mundo, localizada no distrito de Moatize.

Autoridades reforçam buscas após naufrágio com seis desaparecidos

As autoridades moçambicanas reforçaram as buscas no rio Zambeze após o desaparecimento de seis pessoas num naufrágio ocorrido na segunda-feira na província de Tete. Residentes lançaram movimento de solidariedade.
Técnicos da administração marítima e do Instituto Nacional de Gestão de Desastres (INGD) juntaram-se agora às equipas, além de pescadores artesanais, explicou Moisés Meque, delegado da proteção civil citado hoje pela Rádio Moçambique.

aumenta procura de documentos de identificação civil

Aumentou, nos últimos dias, a procura de documentos de identificação civil, na província de Tete.

Só nas últimas duas semanas, foram registados doze mil trezentos pedidos de bilhetes de identidade, ao nível de toda província

promove campanha de combate à cólera

Decorrem no município da cidade de Tete, acções para evitar a eclosão de cólera e outras doenças de origem hídrica na presente época chuvosa.

Acompanha denominada, “Cólera Zero” em curso desde finais do ano passado, consiste na remoção de entulhos de lixos de forma massiva nos locais onde não contêm contentores.

Mucumbura, terá energia eléctrica da rede nacional

Até finais do mês em curso, a sede do posto administrativo de Mucumbura, distrito de Mágoè, província de Tete, terá a corrente eléctrica da rede nacional.

Actualmente, estão em curso trabalhos de finalização das obras, segundo o director da Electricidade de Moçambique, naquela região do país.

Cresce assistência a crianças em situação difícil

Em Tete, treze mil e trezentas crianças em situações difíceis foram assistidas, o ano passado, pela Direcção Província de Género Criança e Acção Social.

Deste número, quatro mil novecentos receberam pelo menos três serviços básicos tais como alimentação, saúde, educação, apoio legal, entre outros e o restante, pelos comités comunitários de protecção à criança.

Cidadã detida por encabeçar tumultos no mercado Conongola

A PRM em Tete, deteve esta quarta-feira uma cidadã indiciada de ser a promotora dos tumultos que forçou os vendedores do mercado Canongola a montar barricadas sobre a estrada nacional número sete.

Trata-se de uma mulher de vinte e oito anos de idade, que na companhia de outros sete vendedores que exercem actividades económicas naquele mercado, agiram à margem da lei, em retaliação a alegada falta de condições criadas pelo

Mais artigos...