18
Sáb., maio
0 New Articles

Angola volta a receber a Expo-Indústria

Economia
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times
AplicLoja Windows 11 Pro

Após três anos de ausência, a Expo-Indústria regressa a Luanda para a sua 5.ª edição, entre 29 de março e 01 de abril, sendo Portugal um dos países que já manifestou interesse em participar, anunciou hoje fonte da organização. Segundo Bruno Albernaz, presidente do grupo Arena, entidade que promove o certame, que estava suspenso desde 2019, a feira teve um crescimento “exponencial” até essa altura que se espera manter este ano, face à crescente industrialização.



“A expectativa é de crescimento de 20% face à ultima edição”, adiantou, numa conferência de imprensa, indicando que há já cerca de 50 inscrições sobretudo da capital, Luanda, e de Benguela, segunda maior cidade angolana.

Em 2019, na 4.ª edição, a Expo-Indústria contou com 220 expositores (150 na 3.ª edição), e espera agora alcançar as 270 a 280 participações, disse o responsável da Arena, indicando que, a nível internacional, Portugal, Espanha, Turquia e África do Sul foram alguns dos países que já mostrarem interesse em marcar presença. Indústria de transformação, engenharia e construção civil, bem como indústria alimentar e agronegócio são alguns dos setores esperados.

A participação na feira tem um valor mínimo de 320 mil kwanzas (590 euros), preço relativo a um ‘stand’ de nove metros quadrados, mas este ano a Expo-Indústria vai ter condições especiais, incluindo um pacote de desconto de 20% para as empresas que não sejam de Luanda, de forma a apoiar a deslocação até à capital angolana e fazer com que o certame “seja de âmbito nacional” Bruno Albernaz sublinhou que o investimento previsto para este ano é de 150 milhões de kwanzas (cerca de 280 mil euros) e que a Expo-Indústria será também palco de conferências com “temas pertinentes sobre oportunidades de negócios”.

“Queremos que este evento seja a maior montra de exposição do que a indústria angolana tem para mostrar. É uma forma das empresas mostrarem as suas potencialidades”, disse o responsável da Arena.

O objetivo é “fazer com que as indústrias incrementem o emprego e a melhoria das condições de vida das populações e alavancar novas parcerias e negócios”, destacou. Promoção da indústria nacional e do consumo dos seus produtos e criação de sinergias para que o setor industrial se afirme em Angola são outros dos objetivos. A Expo-Indústria realiza-se na Zona Económica Especial (ZEE).

 

 

 

 


Fonte:da Redação e da angonoticias
Reeditado para:Noticias do Stop 2023
Outras fontes • AFP, AP, TASS, EBS
Material Informático - www.aplicloja.com
Receba diariamente no Grupo STOPMZNWS poderá ler QRCOD
Link do Grupo WhatsApp - https://chat.whatsapp.com/JUiYE4NxtOz6QUmPDBcBCF
Qual Duvida pode enviar +258 827606348 ou E-mail:Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Em criação o Aplicativo o APP que ira ver notícias diariamente em seu celular Fotografias:Getty Images/Reuters/EFE/AFP

AplicLoja Microsoft Office 2022 Pro Plus