24
Seg., Jan.
0 New Articles

Empresa português pondera compra de 49% da Secil Lobito

Empresa português pondera compra de 49% da Secil Lobito

Economia
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times
AplicLoja Windows 11 Pro

O grupo empresarial português Secil está a ponderar "todas as possibilidades" face à intenção do Governo angolano de privatizar a quota de 49% que detém na Secil Lobito, disse hoje à Lusa fonte oficial da empresa portuguesa.

Fonte contactada pela Lusa precisou que a Secil Angola e a Empresa Nacional de Cimento de Angola (ENCIME), “acionistas únicas da Secil Lobito, estão a acompanhar o processo de privatizações em curso em Angola, que abrange a Secil

Lobito”.

“As empresas acionistas em estreita ligação com o IGAPE (Instituto de Gestão de Ativos e Participações do Estado) e nos termos estatutários, ponderam todas as possibilidades de reconfiguração societária da Secil Lobito, para o que mantêm contactos próximos regulares”, destacam. No passado dia 04, o diário angolano O País noticiou que o Estado angolano vai avançar com a privatização da Secil Lobito.

“O Estado angolano pretende avançar, no mais curto espaço de tempo, com o processo de privatização do capital social de 49% que detém na Secil Lobito (Companhia de Cimento do Lobito) por via da ENCIME, devendo o processo ocorrer por via de concurso público, no âmbito do Processo de Privatização (PROPRIV) em curso no país, conforme orienta um Despacho Presidencial de 28 de dezembro de 2021”, escreve o jornal.

 

Fonte:da Redação e da angonoticias.com
Reeditado para:Noticias do Stop 2022
Receba diariamente o STOP em seu WhatsApp
Envie um WhatsApp para +258 827606348 Em criação o Aplicativo
para receber notícias diariamente em seu celular no grupo STOPMZNWS
Fotografias:Getty Images/Reuters/EFE/AFP/Estadão

AplicLoja Microsoft Office 2022 Pro Plus