09
Ter., Ago.
0 New Articles

União Europeia aprova estatuto de candidato para Ucrânia e Moldávia

Ucrânia
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times
AplicLoja Windows 11 Pro

Os 27 países da União Europeia, aprovaram nesta quinta-feira 23 de junho, o estatuto de candidato da Ucrânia e da Moldávia. Uma decisão simbólica, quatro meses depois do início dos conflitos entre Rússia e Ucrânia.

"É um momento único e histórico, nas relações entre Ucrânia e a União Europeia. O futuro da Ucrânia será dentro da UE."


Estas foram as palavras de Volodymyr Zelensky depois do anúncio da decisão dos 27 países, sobre a aprovação de estatuto de candidato da Ucrânia e Moldávia para integrar a União Europeia.O Presidente ucraniano mostrou-se aliviado depois deste anúncio, ele que passou os últimos dias a telefonar aos principais dirigentes europeus para se assegurar do seu apoio.

Do lado moldavo, este estatuto de candidato é uma verdadeira forma de apoio da parte da União Europeia para a presidente pró-europeia Maïa Sandu. Eleita em 2020, ela marcou o fim da influência russa no seu país, que foi governado durante 30 anos pelos comunistas, próximos do governo de Moscovo.

Os principais dirigentes europeus também se exprimiram depois deste anúncio. No Twitter, o Presidente do Conselho Europeu Charles Michel dava conta da sua satisfação.

"Esta noite é um passo importante no nosso caminho em direcção à União Europeia."
Important step tonight towards the emerging European political community.

To foster political dialogue and cooperation.

To strengthen peace, stability and prosperity in Europe.

Looking forward to work with the Czech presidency to make it real @P_Fiala @EmmanuelMacron

— Charles Michel (@CharlesMichel) June 23, 2022

A Presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, também saudou esta decisão, no Twitter :

 

 

"Hoje é um bom dia para a Europa (...) Os vossos países fazem parte da nossa família europeia. E a decisão histórica tomada pelos líderes hoje confirma-lo."

Today is a good day for Europe.

Congratulations to President @ZelenskyyUA President @Sandumaiamd and Prime Minister @GharibashviliGe

Your countries are part of our European family.

And today’s historic decision by Leaders confirms that. pic.twitter.com/lAkv8Bq5fs

— Ursula von der Leyen (@vonderleyen) June 23, 2022

Zelensky também destacou os laços fortes entre a Ucrânia e Portugal e mostrou a sua gratidão ao governo português : "Portugal está connosco. Obrigado senhor primeiro-ministro. O seu país conhece bem o nosso povo. Tenho a certeza de que só vamos aumentar os laços positivos entre nós". Do seu lado, o Primeiro-ministro António Costa português afirmou que "Portugal, como o presidente Zelensky disse, continuará a dar apoio".

Uma decisão que não agradou a todos os países, sobretudo aos países dos Balcãs, que exprimiram a sua frustração. Foi o caso do presidente sérvio, Aleksandar Vucic que declarou "Não tivemos nada da parte da UE."

 

 

 

Fonte:da Redação e da rfi
Reeditado para:Noticias do Stop 2022
Outras fontes • AFP, AP, TASS, EBS
Material Informático - www.aplicloja.com
Receba diariamente no Grupo STOPMZNWS poderá ler QRCOD
Link do Grupo WhatsApp - https://chat.whatsapp.com/JUiYE4NxtOz6QUmPDBcBCF
Qual Duvida pode enviar +258 827606348 ou E-mail:Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Em criação o Aplicativo o APP que ira ver notícias diariamente em seu celular Fotografias:Getty Images/Reuters/EFE/AFP

AplicLoja Microsoft Office 2022 Pro Plus