26
Qui., maio
0 New Articles

Mais de 8 milhões de deslocados internos na Ucrânia segundo a ONU

Ucrânia
Typography
  • Smaller Small Medium Big Bigger
  • Default Helvetica Segoe Georgia Times
AplicLoja Windows 11 Pro

No 76° dia da invasão russa da Ucrânia, os combates continuam intensos no sul e leste do país, enquanto na capital, Kiev, a situação tende a encontrar uma forma de normalização apesar do conflito, com o regresso de dois terços dos seus 3,5 milhões de habitantes, segundo informou hoje a autarquia local.


Esta terça-feira, Kiev continuou a receber a visita de representantes ocidentais. Hoje, foi a vez da chefe da diplomacia alemã e do seu homólogo holandês efectuarem uma deslocação à capital ucraniana nomeadamente em Butcha, junto de Kiev, onde as forças russas são acusadas de ter massacrado civis.

Paralelamente, de acordo com o exército ucraniano, os russos «continuam a preparar operações ofensivas nas regiões de Lyman e Severodonetsk » enquanto, igualmente no leste do país, «batalhas muito intensas continuam a decorrer nas imediações de Roubijné e Bilogorivka » na zona de Lugansk, segundo informou o governador local.

Entretanto, em Odessa, no sudoeste do país, os bombardeamentos russos causaram ontem um morto e cinco feridos enquanto em Mariupol, cidade portuária do sudeste totalmente destruída pelas forças russas, Kiev estima que mais de mil soldados ucranianos permanecem na unidade industrial de Azovstal, entre os quais centenas de feridos.

Noutro aspecto, os Estados Unidos, cujo Presidente acaba de assinar uma lei para intensificar a entrega de armas à Ucrânia, reactivando um dispositivo existente desde a Segunda Guerra Mundial, consideraram que Vladimir Putin não tem intenção de limitar a ocupação russa apenas ao Donbass, no leste, mas pretende igualmente estender o conflito até à Transnístria, região secessionista da Moldávia.

Apesar de não existir um balanço exacto deste conflito, a ONU estimou que o número de civis mortos no país, oficialmente de 3.381, é largamente subestimado, podendo haver milhares de mortos suplementares. A ONU estima igualmente a pelo menos 8 milhões o número de deslocados internos devido à guerra.

 

 

 

 

Fonte:da Redação e da rfi
Reeditado para:Noticias do Stop 2022
Outras fontes • AFP, AP, TASS, EBS
Material Informático - www.aplicloja.com
Receba diariamente no Grupo STOPMZNWS poderá ler QRCOD
Link do Grupo WhatsApp - https://chat.whatsapp.com/JUiYE4NxtOz6QUmPDBcBCF
Qual Duvida pode enviar +258 827606348 ou E-mail:Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.
Em criação o Aplicativo o APP que ira ver notícias diariamente em seu celular Fotografias:Getty Images/Reuters/EFE/AFP

AplicLoja Microsoft Office 2022 Pro Plus