“BARRAGEM MOAMBA MAJOR É PARA SER FEITA”

“BARRAGEM MOAMBA MAJOR É PARA SER FEITA” – CARLOS BONETE

Maputo
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

O Ministro das Obras Públicas, Habitação e Recursos Hídricos, Carlos Bonete, assegurou que o projecto de construção da Barragem da Moamba Major, na província de Maputo, é para ser concluído.


“A aposta do governo é continuar a procurar recursos através de parcerias público-privadas, porque Moamba-Major é para ser feita. Aliás, já começamos a fazer”, disse à imprensa, à margem do III Conselho Coordenador do pelouro, que decorre desde esta quarta-feira até sexta-feira, na província de Maputo, sob lema “Construindo e Mantendo Infra-estruturas para o Desenvolvimento Sustentável”.
No entanto, a edificação do empreendimento, avaliado em 466 milhões de dólares, no leito da bacia do Incomáti, ficou condicionado a suspensão dos acordos financeiros selados pelo anterior governo do Brasil, na sequência da Operação “Lava Jato”.
Segundo o calendário de construção do projecto, a barragem devia estar operacional em 2019, mas, face ao cenário actual é desconhecido o ano em que a infra-estrutura será concluída.
O actual executivo de Brasília, liderado por Michel Temer, suspendeu os acordos celebrados com vários países, pelo governo de Dilma Rousseff, com vista a realizar um saneamento das contas, após a eclosão de diversos escândalos financeiros envolvendo figuras proeminentes.
A crise política no Brasil ditou, por conseguinte, a suspensão das obras do projecto, lançado em Outubro de 2014, porém paralisado devido à falta de fundos.
Todavia, quando concretizada, a infra-estrutura vai garantir a irrigação de 19 mil hectares de campos agrícolas e abastecimento de água à região do Grande Maputo, assim como servir à geração de corrente eléctrica a ser injectada na rede nacional.

 

 


Fonte:da Redação e Por RM
Reditado para:Noticias do Stop 2017

Stopmznews