DETIDOS SETE INDIVÍDUOS POR PRÁTICA DE VÁRIOS CRIMES EM MAPUTO

Sete indivíduos estão a contas com a Polícia da República de Moçambique em Maputo, indiciados de prática de vários tipos de crimes, durante o último fim-de-semana.

Maputo
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

Sete indivíduos estão a contas com a Polícia da República de Moçambique em Maputo, indiciados de prática de vários tipos de crimes, durante o último fim-de-semana.

 

Dos detidos, três são indiciados de furto qualificado, dois de violação sexual e outros de roubo.

Os indiciados de roubo terão, segundo a polícia, arrombado a porta de uma empresa que opera no bairro Tsalala, no município da Matola, onde de entre outros bens, apoderaram-se de cerca de oito mil Euros, equivalentes a pouco mais de trezentos mil meticais.

A informação foi tornada pública pelo porta-voz do comando provincial de PRM em Maputo, Emídio Mabunda, durante o rescaldo habitual da semana.

Emídio Mabunda acrescentou que durante o último fim-de-semana a polícia fiscalizou mil e quatrocentas e cinquenta viaturas, onde foram aplicadas quinhentas e noventa multas, por diversas irregularidades.

O porta-voz da PRM em Maputo disse que no mesmo período foram capturados 249 violadores de fronteiras, tendo sido repatriados oitenta indivíduos.

 

 

 

Fornecido por: Da rm.co.mz 2016 ( STOP)

Stopmznews