COMISSÃO DE DIÁLOGO COM FAMÍLIAS DO ESPAÇO RESERVADO AO ATERRO DE MATLHEMELE

COMISSÃO DE DIÁLOGO COM FAMÍLIAS DO ESPAÇO RESERVADO AO ATERRO DE MATLHEMELE

Maputo
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

Os Municípios de Maputo e Matola acabam de criar uma comissão de diálogo com as famílias que residem dentro do espaço reservado para o aterro sanitário de Matlhemele, tendo em vista o seu reassentamento.


Os residentes da zona abrangida pelo aterro manifestaram-se preocupados com a proposta do município da Matola, que só iria compensar apenas vinte famílias nativas.
O presidente do Município da Matola, Calisto Costa, assegurou que serão salvaguardados os direitos dos residentes nas zonas de Matlhemele e Muhalaze, no âmbito do novo aterro sanitário

 

Fonte:da Redação e Por RM
Reditado para:Noticias do Stop 2018

Stopmznews