Trump receberá 1º informe de segurança como candidato

Donald Trump: o informe, porém, não fornecerá informações ultrassigilosas

US Canada
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

O candidato presidencial republicano, Donald Trump, deve receber seu primeiro informe de segurança nacional de autoridades de inteligência dos Estados Unidos nesta semana, disseram fontes nesta terça-feira.

Representantes do Escritório do Diretor de Inteligência Nacional informarão o empresário de Nova York a respeito de uma gama abrangente de temas de política externa e de segurança nacional, mas não fornecerão informações ultrassigilosas sobre operações de espiões norte-americanos infiltrados em andamento ou sobre as identidades e os métodos das fontes de inteligência, de acordo com uma fonte a par do assunto.

O Diretor de Inteligência Nacional serve como chefe da comunidade de inteligência dos EUA, aconselhando o presidente, o Conselho de Segurança Nacional e o Conselho de Segurança Interna em temas relacionados à segurança nacional.

"Sei que haverá um informe, e que será nesta semana", confirmou o assessor de política externa de Trump, Walid Phares, em um e-mail à Reuters.

A rede de televisão ABC News noticiou que, na ocasião do informe, Trump terá a companhia de dois assessores de primeiro escalão, o general Michael Flynn, ex-diretor da Agência de Inteligência da Defesa, e o governador de Nova Jersey, Chris Christie, que lidera a equipe de transição presidencial de Trump.

 

 

 

 

 

 

Fonte:Reuters

Reditado para:Noticias Stop 2016

Fotografias:Getty Images / Reuters

Tópicos:Empresários, Celebridades, Donald Trump, Eleições americanas, Estados Unidos, Países ricos, Segurança

Stopmznews