Jovem morre subterrado na construção do viaduto da Boavista

O viaduto está a ser construído na intercepção da Rua Mandume com a Lueji – ya - Nkonde e ligará

Angola
Typography
  • TPL_TYPO_TOOL_SMALLER TPL_TYPO_TOOL_SMALL TPL_TYPO_TOOL_MEDIUM TPL_TYPO_TOOL_BIG TPL_TYPO_TOOL_BIGGER
  • TPL_TYPO_TOOL_DEFAULT TPL_TYPO_TOOL_HELVERICA TPL_TYPO_TOOL_SEGOE TPL_TYPO_TOOL_GEORGIA TPL_TYPO_TOOL_TIMES

Um Jovem de 27 anos morreu, no sábado, subterrado enquanto trabalhava na construção do viaduto, na zona da Boavista, distrito urbano do Sambizanga, em Luanda, soube a Angop de fonte policial.

O porta-voz do Comando de Luanda do Serviço Nacional de Protecção Civil e Bombeiro (SNPCB) disse tratar-se de acidente de trabalho em que a vítima morreu no local, quando uma parcela de terra cedeu.

As obras de construção do viaduto no distrito urbano do Sambizanga poderão estar concluídas ainda em Setembro deste ano.

A construção do empreendimento, orçada em um milhão de dólares, consiste na criação de duas faixas de rodagem em cada sentido, um separador central de um metro e 20 e colocação de postos de iluminação pública.

Após a conclusão, a passagem, com uma extensão de aproximadamente cinco quilómetros, terá 17 metros de comprimento, 16 de largura e uma altura de quase 10 metros, visando contribuir para a melhoria do tráfego rodoviário na capital do país.

O viaduto está a ser construído na intercepção da Rua Mandume com a Lueji – ya - Nkonde e ligará, no nível inferior, a Boa Vista ao bairro São Paulo. A obra enquadra-se no programa de requalificação e urbanização do distrito urbano do Sambizanga.

 

 

 

 

 

 

Fonte:Angonoticias

Reditado para:Noticias Stop 2016

Stopmznews